Salido abocanha US$ 300 mil em luta despedida

By | 11/12/2017

Mexicano Salido (e) saiu do esporte após 22 anos e três cinturões mundiais (Divulgação)

A decisão de encerrar a carreira logo após perder para o compatriota Miguel Roman, fez o mexicano Orlando Salido, 37, ao menos sair com os bolsos cheios já que ele pôde depositar em sua conta bancária a bagatela de US$ 300 mil (R$ 987 mil), enquanto o rival ficou com meros US$ 50 mil (R$ 164,5 mil). A soma é relevante na comparação com os US$ 400 mil (R$ 1,316 milhão) recebidos pelo cubano Guillermo Rigondeaux – até então dono de um cinto mundial, bicampeão olímpico e invicto – no revés por título para o ucraniano Vasyliy Lomachenko. Os dois combates foram disputados no último sábado, sendo que Salido-Roman se confrontaram em Las Vegas (Nevada).

Salido (44-14-4, 31 KOs) deixa o esporte depois de 22 anos de estrada, com três títulos mundiais sempre na divisão superpena (58,9k) e com o detalhe histórico de ter sido o único adversário a superar Lomachenko na esfera profissional até o momento. “Hoje sou apenas um homem velho”, resignou-se o asteca, depois de ser superado por Roman e identificar que não há como competir com rivais mais jovens e famintos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *