Esquiva Falcão acerta luta de 10 rounds para março

By | 29/12/2017

Falcão é favorito absoluto para ganhar de rival francês (Reprodução)

Naquele que promete ser o combate do salto decisivo, o brasileiro Esquiva Falcão, 28, teve confirmada sua reaparição nos ringues no encontro com o francês Salim Larbi, 30, marcado para 10 de março na cidade de Los Angeles, estado da Califórnia (EUA), dentro da divisão médio (72,5k). Será a primeira apresentação do atleta nacional em confrontos oficiais de 10 rodadas, algo até agora inédito em sua carreira profissional iniciada há quase quatro temporadas.

O triunfo pode colocar o invicto Falcão (19-0-0, 13 KOs) entre os Top 15 de uma ou mais entidades reguladoras do boxe mundial, deixando-o mais animado para desafiar o japonês Ryota Murata, atual dono do centro “regular” AMB da categoria – o supercampeão AMB é o cazaque Gennady Golovkin. Residente nos Estados Unidos, Larbi (20-8-2, 7 KOs) tem servido de escada para nomes mais promissores, tendo sido superado em sete de suas últimas 11 lutas, afora ter atuado apenas uma vez na divisão médio. O brasileiro é favorito absoluto.

2 thoughts on “Esquiva Falcão acerta luta de 10 rounds para março

  1. paulo Roberto Godinho

    Creio que um adversário como Salim Larbi , 20 (7 KOs)- 8 (4 KO by) -2 empates, um escada profissional, francês de nascimento que reside em New York, em nada , absolutamente nada irá servir para a melhoria de Esquiva Falcão em qualquer ranking de médios que ele se candidate. A revanche com Murata , essa, pelo que se vê no staff do japonês, poderá sair, mas eles querem “unificação de títulos”, e o mais certo será Murata enfrentar Genady Golovkin, o super campeão, no Organismo em que Myurata é apenas, o campeão regular. Peso por peso, o japonês não tem cacife para sequer imaginar-se adversário do cazaque, visto ainda andar pela cabeça dos empresários, um “re-match” entre GGG e Saul Canelo Alvarez. Com muito mais possibilidades do que Murata, vejo Jermell Charlo, e o título regular da WBA, no dia de hoje, não valerás muitos dólares, no mercado americano, mas existem os empresários japoneses, que podem investir na carreira de Liota Murata, o que ainda acredito, por acha-lo muito fraco para os médios, enfrentar um Jermell Charlo, por exemplo, pode ser um suicídio anunciado. Para Esquiva, essa revanche olímpica, poderá acontecer, mas o “filhão” de Raff Giglio não me parece pronto, defensivamente falando, para compromissos mais arriscados. Nessa sua luta contra aquele espanhol Jose Miguel Fandino, Esquiva tomou golpes, que para a sua sorte, não chegaram a abalálo, mas entraram e embora fracos, mostraram aos treinadores do brasileiro, que ele ainda tem muita coisa aa aprender na sua parte defensiva, sem contar ainda, que bateu seguidamente abaixo da linha da cintura de Fandino, a ponto de ter tido o desconto de 1 ponto pelo árbitro. Lembro que na luta da Olimpiada contra Murata, Esquiva teria ganho a medalha de ouro, caso tivesse prestado a atenção de que, fora chamado a atenção mais de três vezes pelo mesmo motivo e o desconto daquela falta, que o fez perder a luta por apenas 1 ponto. São detalhes que os treinadores devem atinar, quando têm nas mãos pugilistas com possibilidades de irem longe em suas carreiras. Falar de título mundial de médios para Esquiva Falcão nos dias presentes, é uma insençatez, que os narradores de suas lutas insistem em em falar. A falta de pegada já é algo que sempre me preocupou, mas esse descaso com a defesa, necessita ser corrigido, porque, a qualquer hora dessas, um outro “escada” mais abusado e pegador, pode fazer o filho do Touro Moreno tropeçar num “degrau”. A categoria de médios hoje tem alguns lutadores duríssimos e prontos para as disputas de cinturões. A Esquiva sugiro que vá comendo pela beirada do prato, sem pressa, e encare esse francês com seriedade, e, os 10 tempos previstos da luta, acredito, dificilmente serão cumpridos. Felicidades Esquiva; Roma não se fez num dia.

    Reply
  2. ligadeboxev2 Post author

    Sejamos sensatos. Esquiva Falcão enfrentará um rival “escada” e de pouca pegada. É favorito destacado. Esperamos que na chamada “hora da verdade”, ele esteja mais que condicionado e preparado para brigar de igualo para igual com qualquer oponente de melhor quilate.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *