Crawford pulveriza Indongo e crava história

By | 20/08/2017

Terence Crawford ficou com os quatro cinturões unificados (Divulgação)

Em combate muito mais rápido do que se imaginava previamente, o americano Terence Crawford, 29, aniquilou o namíbio Julius Indongo, 34, logo no terceiro round do embate encerrado há poucos momentos no Pinnacle Bank Arena da cidade de Lincoln, estado de Nebraska (EUA). O ianque tirou a invencibilidade e dois títulos do africano para abocanhar os quatro cinturões CMB, AMB, OMB e FIB superleve (63,5k), pela primeira vez nessa categoria de peso, e apenas na terceira oportunidade na história do esporte. O brasileiro Sidney Siqueira perdeu por nocaute para o ianque Mike Alvarado em uma das preliminares (leia aqui).

Como já havia feito em outros combates, o destro Crawford (32-0-0, 23 KOs) saiu para o confronto na posição de canhoto, a mesma original de Indongo (22-1-0, 12 KOs). Mesmo com o primeiro giro não muito intenso, o ianque conectou dois bons cruzados para levar pequena vantagem. Na segunda etapa, Crawford foi ainda mais eficaz ao derrubar Indongo com golpe no corpo – o que já demonstrara o caminho para seu triunfo.

Na terceira e definitiva passagem, Crawford aplicou dura esquerda no fígado de Indongo que caiu, rolou no solo e demonstrando fortes dores, ouviu a contagem total do árbitro Jack Reiss que decretou o fim do confronto a 1min38seg. O americano já estava entre os melhores boxeadores da atualidade independente de divisões de peso e deve ser elevado à condição de #1.

A conquista de Crawford com seus quatro cinturões só tem precedentes na história da nobre arte com o compatriotas Bernard Hopkins e Jermain Taylor (médios 72,5k), no âmbito masculino, e da colombiana-dinamarquesa Cecilia Braekhus entre as mulheres que ainda hoje sustenta os cetros unificados da categoria meio-médio 66,6k.

(*) Assista ao momento da vitória de Crawford. Clique e/ou copie e cole o link abaixo

https://twitter.com/i/videos/tweet/899123508168413184

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *